A CPS America abre uma nova sede nos Estados Unidos, perto de Dallas, Texas.
N° de visitas:3898
Data de Publicação:2022-06-30
Voltar à lista

A CPS America anunciou a abertura de uma nova sede e centro de inovação nos EUA, perto de Dallas, Texas. A empresa afirma que a nova sede demonstra um compromisso com a inovação em energia limpa na América do Norte.


O Centro de Inovação abrigará a CPS Labs, a equipe de suporte técnico da CPS América, o Centro de Operações de Rede (NOC) e serviços de armazenamento expandidos. A equipe fornecerá treinamento no local para fornecedores de energia solar e armazenamento.



"A equipe da CPS trabalhou arduamente para tornar nossa nova sede em um centro de inovação", disse Bryan Wagner, diretor executivo da CPS America. "Nosso principal objetivo ao projetar esse novo espaço foi atender às necessidades de nossos clientes e, ao mesmo tempo, moldar o futuro da tecnologia solar e de armazenamento de energia. Estamos prontos para as demandas de crescimento de energia limpa e para as mudanças que queremos experimentar na próxima década."  


A sede centralmente localizada perto de um grande aeroporto não só permite que a equipe de serviço responda rapidamente às solicitações dos clientes, mas também permite que os clientes viajem facilemente para o Texas para treinamento prático. A CPS está sediada em Richardson, Texas, desde que estabeleceu um laboratório de pesquisa e desenvolvimento em 2009.


O Centro de Operações (NOC) oferece tranquilidade aos clientes sabendo que eles têm recursos avançados de monitoramento e controle ao seu alcançe. O NOC foi contruído pensando no crescimento à medida que a indústria de energia limpa expande as capacidades da rede distribuída. 


"Nossa equipe experiente muitas vezes conseguiu identificar problemas antes que o pessoal pudesse indentificá-los", disse James Oswald, Diretor de Serviços da CPS América."Alertar a equipe sobre padrões de energia incomuns ou fornecer atualizações remotas para economizar em viajens de caimnhão nos economizou inúmeras horas de trabalho."


No ano passado, a CPS enviou mais de 15.000 comandos remotos, mantendo inversores funcionando em mais de 10.000 sistemas solares nos Estados Unidos.